domingo, 5 de dezembro de 2010

E Ele está no barco

Então, levantando-se, repreendeu os ventos e o mar, e seguiu-se uma grande bonança.
Mateus 8:26b

É chegada uma tempestade terrível, uma que nunca vi.
Problemas e mais problemas em forma de ventos e água se aproximam
E lá embaixo, estava quem poderia acalmar todas as coisas
Ele está dormindo, deverei acordá-lo?
Será que se importaria com minhas tribulações?
A dor da aflição me atinge, só me resta acordá-lo...
Então eu grito: JESUS, JESUS, JESUUUUS!!!
E o chacoalho, gritando: Levanta-te em meu favor, faça-me algo, socorre-me!
Ele calmamente levanta, olha para meus olhos com um olhar que me traz paz
Aquele que transmite a paz que excede todo o entendimento
Ergue a voz e diz: Mar, aquieta-te. Vento, acalma-se
E tudo volta ao lugar, não há como compreender
Quem é este que até o vento e o mar O obedecem?
Eis que Ele é o Filho de Deus, o Santo de Israel, o Yeshua, Principe da Paz.


sábado, 4 de dezembro de 2010

E quando você descobre...

que as marcas da infancia te assombram?

Que as lembranças de tudo o que aconteceu de ruim e você pensou que tinha superado, está aí em tua frente e você teme reviver?

Que a sombra do abandono te assola até hoje?

Que a voz de uma criança a te perguntar se está tudo bem e você ter que consolá-la ainda ecoam em tua mente?

Que tudo estava tão bem hoje, mas ao lembrar de tudo isso lágrimas caem dos teus olhos e você não consegue falar pra ninguém sobre isso?

Quando sua única vontade é de deitar e levantar e ver que tudo não passou de um pesadelo de vários anos?

E quando se sente tão só e abandonado e quer voltar ao tempo que isso passava logo?
O que fazer quando a fé já não é a mesma?

Quando você pensa está tão longe do cumprimento de tudo o que foi falado?

Quando descobre que está para morrer e parece que ninguém se importa contigo?

Quando você não se importa mais em errar, pois já se sente como se você não importasse mais?

Que dentro de você seu coração está quebrado?

O que fazer?

domingo, 28 de novembro de 2010

E aí, tá no padrão?

Qual é o padrão do mundo? Ou melhor, qual o padrão de erro no mundo?
Se o que eu faço atinge prejudicialmente a outrem, aí sim é um erro (e posso ser julgado por Deus por isso). Agora, se o que eu faço não ofende, machuca e não causa dano a outra pessoa, então tá tudo certo =)
ERRADO CAMARADA!
Você pode estar errando nesse ponto, em que achar que o que você faz com sua vida, seu corpo, sua alma, sem prejudicar a ninguém é certo, pois se você se prejudica está indo contra o templo de Deus.

"Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós? Se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá; porque o templo de Deus, que sois vós, é santo." I Coríntios 3:16 e 17

Cada vez que você traz algo que prejudica a si mesmo, sendo um cigarro, uma bebida alcoólica, um vício, uma roupa não muito apropriada, formas erradas de usar seu corpo, entre outras coisas, você está destruindo o templo do Senhor, pois VOCÊ é o templo.
Não penses que só porque não tem outra pessoa sendo danificada que você está certo, peça a Deus para que seus olhos sejam abertos e que se há algo de errado, que Ele te ajude a consertar.

E deixo a pergunta: E aí, tá no padrão?

segunda-feira, 1 de novembro de 2010



Silêncio, nada mais do que um interminável silêncio.
Não há sons de alegria, não há sons de louvor.
Em sua mente está a lembrança do "Abra a sua boca", "Louve", "Fale Comigo"; porém não há palavra.
Sua expressão é de seriedade, seu olhar o mais triste, em seu coração o sentimento de derrota, de incapacidade, de que parece que está demorando tanto.
Constantemente lembra-se de que tem com Quem contar, mas a dor a faz se calar. E se sente tão só, sabe que detrás seu Amado está acenando e dizendo: Querida, estou aqui, fale Comigo novamente; porém ela continua em seu silêncio.
Acorde! Será que não percebestes que enquanto não houver palavras ao invés de lágrimas (estas até podem acompanhar, porém não podem ficar em silêncio) não haverá mudaça?
Se tudo foi feito ao som de palavras, a sua restauração também assim será!
Abra a tua boca, profetiza filho do homem, para que assim do vale de ossos secos um exército forte se levante.

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Corpo

Lá está ela. Ainda jovem, muito jovem.
Ela passa e nem presta atenção ao seu redor, mas alguns dos que ao lado dela estão andando falam coisas em seus ouvidos. As palavras passaram despercebidas...
Enquanto continua sua caminhada outras palavras são proferidas, esbarrões que sempre são "sem querer".
Seu nome? Ninguém sabe.
Sua ideologia? Ninguém sabe.
Seus sonhos, planos, família e sensibilidade? Não, ninguém sabe.
À vista daqueles que dizem palavras ela é somente um corpo, um corpo feminino, talvez um que não tenha nada além de curvas, um que não tenha cérebro e muito menos opinião própria.
Assim são vistas muitas das garotas, assim se sentem quando um dos "cavalheiros" lhe dizem "doces palavras", assim se sentem quando de alguma forma são desrespeitadas com os "esbarrões", afinal não tem espaço na calçada, o ônibus está cheio e apertado (o que explica muita coisa).
E como somente um corpo ela continua a andar, sem nada perceber ou então tentando se convencer que é sem querer ou que não é o que entendeu.

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Qual o tamanho?





"E disse o Senhor: Se tivésseis fé como um grão de mostarda, diríeis a esta amoreira: Desarraiga-te daqui, e planta-te no mar; e ela vos obedeceria." Lucas 17:6

Ando pensando ultimamente no que ouço e falo. Esses dias conversando com uns amigos ouvi a seguinte coisa: "Nossa! Para isso você teria que ter uma fé muito grande", um tempo mais tarde me peguei dizendo a mesma coisa: "Até parece, não tenho tanta fé assim...".
Mas o que Deus diz sobre o tamanho da fé?
Nunca ouvi o Senhor dizer: "Sua fé tem que ser grande", porém já ouvi dizendo: "homens de pequena fé" e também: "Se tivésseis fé como um grão de mostarda, diríeis a esta amoreira: Desarraiga-te daqui, e planta-te no mar; e ela vos obedeceria.", então, como saber o tamanho da minha fé?
Alguém já viu o tamanho do grão de mostarda? Ele é ridicularmente pequeno, porém quando jogado na terra, com o tempo brota e se torna em uma alta árvore. Assim é a nossa fé, ela pode ser pequeníssima, mas seus resultados são imensos.
"Ora, fé é a certeza das coisas que se esperam, a convicção das coisas que não se vêem" Hebreus 11:1
Qual o tamanho da sua fé?
Será que é menor que um grão de mostarda? Será que Deus olha para você neste exato momento e diz: "Homens de pequena fé"? Será que sua fé é menor que um simples grão de mostarda?
Pois é... muitas vezes nós nos esquecemos de ter certeza naquilo que esperamos, não temos convicção apenas porque não vemos o que precisamos em nossa frente. É difícil entender, mas o simples gesto de ter certeza que aquilo que pedimos a Deus já é nosso, já poder ver antes de acontecer, isso é a fé necessária, que é o grão de mostarda que precisamos para mover as montanhas.
"E, tudo o que pedirdes na oração, crendo, o recebereis." Mateus 21:22
Queridos, basta pedirmos ao Senhor, crer que iremos receber e assim será, esse é o nosso grão de mostarda, que não sejamos mais os "homens de pequena fé", que possamos pedir ao Senhor um coração confiante nas palavras dEle, que possamos entender que não é necessária uma grande fé para fazermos uma grande coisa, mas que sempre lembremos que a fé do tamanho de um grão de mostarda pode mover montanha.
Que o Senhor abençoe a cada um de vocês!

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Abstrato

Como entender, ou explicar algo que é abstrato?
Queria poder um dia sentar e conversar com o "amor", perguntar como ele sendo abstrato, invisível e tão diferente consegue nos fazer sonhar? Como ele faz a esperança (outra abstrata) renascer? E fazer com que acreditemos e planejemos um futuro?
São muitas interrogações, não diria confuso, pois o que tenho dentro de mim não é sentimento confundido, mas sim um amor que dia após dia vem crescendo, e extinguindo todo o medo do "desconhecido".
Se eu pudesse definir o que é amar, definiria assim:
Amar é doar-se a outra pessoa na mesma medida que esta se doa a você, é sonhar acordado, é desligar-se de qualquer coisa ao redor como se estivesse em transe hipnótico só para lembrar daquele(a) que te faz sorrir, é viver feliz mesmo estando no meio a uma terrível tempestade, é chorar por saudade, é fechar os olhos e se transportar para perto da pessoa amada.
Abstrato... não poderei tocar para saber que realmente existe, mas posso e estou sentindo, assim estou certo de que mesmo não sendo possível ver, ele existe, e é por causa deste que tenho um novo motivo para sorrir, para querer viver, para buscar o melhor que posso ser, para quem sabe fazer alguém feliz, completo.
Abstrato, porém tão concreto ao ver aquele por quem meu coração bate e por quem meu sorriso se abre.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Politicagem...

E mais um ano de eleição chega a nós, será que vale tudo por parte dos candidatos?
Em uma das matérias que li, estava falando de uma certa candidata que se dizia cristã católica e com o esse argumento pedia votos para o público evangélico, logo após isso recebeu passe em um centro de umbanda...
Pessoas desse tipo que usam a religião para ganhar votos não servem para estar a frente de um país, isso é politicagem!
Querido e amado leitor, seu voto é importante para o nosso país, repare nesse tipo de candidato, não só os que usam da religião para ganhar votos, mas daqueles que são amigos do povo na hora de pedí-los, pois são esses os primeiros que irão se esquecer de olhar para seus eleitores, irão apenas ocupar uma cadeira e receber seus salários.
Pesquise, veja e decida em quem votar, quem merece, ou quem você julga ter a capacidade, pesquise mesmo, para que não haja erro.

sábado, 24 de julho de 2010

Indagações

Por que é tão mais fácil crer no inventado do que no que É?
Por que você crê em "forças do mau" (demônios) e não crer no Deus que é bom?
Por que indaga sobre Sua existência e sobre Seus feitos?
Por que O julga um Deus castigador ou então um ser que não sabe o que faz?

Ah se os teus olhos fossem abertos, se você quisesse ver...
Mas prefere acreditar em homens ao invés em quem os criou
Quem sabe um dia enxergue, espero que não seja tarde para você

É melhor as pessoas fecharem seus olhos e não verem a grandeza do Deus Vivo, do que vê-lO e ter que se submeter a Ele, pena que há quem haja dessa forma, pois não sabem quem Ele é e quão bom é serví-lO
Se caso você ainda não conhece esse Deus, o Deus da bíblia, essa é a sua oportunidade, clame a Ele, peça para que se reve-le a você, porque Ele é quem responde aos que O clamam!

Fiquem com Deus :)

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Livre

A vida é sem rima
Tudo é tão cinzento
A parede do isolamento não te deixa ver
O quão machucado estava

Você escondeu suas frustrações de si mesmo
Talvez fosse um modo de proteção
Mas agora que a parede veio ao chão
Como você encara?

Lágrimas e mais lágrimas são derramadas
É hora da cura - diz Aquele que se importa contigo
Então você sente a última dor e é terrível
Acabou...

Sua vida tão cinzenta
Se torna agora em dias de verão
Sente o amor e o perdão fluirem novamente
E por mais estranho que pareça: Você se sente bem

É livre de novo
É mais forte do que antes
E a liberdade é a canção do seu coração.

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Eu sou brasileiro (?)



Olha como é engraçado a frase "Eu sou brasileiro", será que é mesmo ou apenas és um cidadão que nasceu em um país chamado Brasil? Percebe a diferença?
Nessa época de Copa do Mundo é muito comum ouvirmos frases como:
Vai Brasil!
Orgulho em ser brasileiro.
Brasil, nós te amamos
Entre muitas outras frases...
Se você é mais um que faz isso: "Parabéns"...
Muitas das pessoas que ficam torcendo fascinadamente e enlouquecidamente não passam de torcedores, pois estas não fazem nada por seu país.
Note só quando acabar os jogos e chegar a época de eleição, onde estarão os brasileiros que amam tanto o seu país? Devem ter tirado férias, espere que na próxima Copa eles voltarão amado Brasil.
Não sou contra futebol, pelo contrário, eu gosto muito e torço para que meu país ganhe, porém não quero ser como esses que torcem pelo seu país num jogo e não tem a mínima responsabilidade política, que só servem para criticar seu país e não fazem nada para deixá-lo melhor.
Pense em sua posição e veja se tenho razão ou não, se você tem esse ataque brasileirístico recomendo que mude seu conceito, pois jogos não decidirão seu futuro, mas o seu voto sim!

Confiança

Ainda sim confiarei?

Me pego tão confiante em alguns instantes, tudo parece tão certo, tudo é tão fácil ou então não preciso de tanto esforço.
Te sinto tão perto, como se o tempo que deixei a depressão me pegar não existisse, parece que foi apenas um pensamento ou uma história para o livro que escrevi com o título de "Minha Vida". Sei que mesmo nesse tempo Tu não me deixaste, e mesmo em meio a meus pesadelos e dores podia saber que estávas lá comigo, segurando em minha mão e dizendo: "Filha, Eu Sou contigo!"
Passado a tempestade e os fantasmas que assolavam os meus dias, sentei e pude dizer o quanto me senti mal por deixar de Te amar como no início, por deixar de confiar e sem olhar para os lados caminhar, então alí chorei um choro sincero, lágrimas de arrependimento e de dor, doía enquanto Te dizia as minhas palavras mais sinceras. Foi nesse instante que eu senti uma paz, uma profunda tranquilidade, Você está aqui comigo e sempre esteve.
Meus velhos medos tive que entregar a Ti, a velha mania de confiar desconfiando, de entregar retendo, de achar que Você está esperando que eu erre só por diversão. Como pude pensar assim? Eu Te conheço não de ouvir falar, mas de Contigo andar, não deveria ter tanto receio assim, pois sei que És bom e se eu choro Tu És o meu consolo.
Agora que estou tão confiante, eu Te agradeço, não há amor tão grande como o Teu, capaz de me libertar de mim mesma, de quebrar correntes que eu mesma coloquei em meus pés e em meus braços, eu Te agradeço e Te amo acima de todas as coisas. Mas será que ainda andarei de olhos fechados ouvindo Tua voz a me dizer "Venha, é por aqui, confie, pode parecer que o caminho é difícil, mas em tuas lutas Eu estarei contigo, confie, apenas confie"?
Ó Deus, será que terei tamanha fé para acreditar novamente no que não vejo?
Ah se eu pudesse voltar e não deixar que o medo tomasse meu ser como tomou aquele tempo, voltar e não deixar a frieza me pegar, mas óh Senhor, eu estou aqui e não permitirei esse acontecimento novamente, eu Te amo e não vivo sem Ti, sem a Tua presença eu morro.
Não permita que meus conceitos me afastem de Ti, eu me entrego (como há tempos tenho feito) totalmente a Ti, e se a tempestade me alcançar, ajude-me a confiar somente no Senhor, pois eu sei em quem tenho crido e o quanto És fiel.

"And I'm here to stay
E estou aqui pra ficar
Nothing can separate us
Nada pode nos separar
And I know, I'm okay
E eu sei, estou bem
You cradle me gently
Tu me ninas suavemente
Wrapped in Your arms... I'm home
Envolvido em Teus braços... estou em casa"
Wrapped in Your arms - Fireflight

sábado, 12 de junho de 2010

Para alguém muito especial ღ

Você é assim um sonho pra mim ♫

Não poderia deixar de escrever aqui o que eu sinto por alguém tão especial.
Nesses dias descobri que amor é um sentimento que floresce, não que surge na tentativa de "achar a pessoa certa". Não nego que tentei desse modo, mas não deu certo, porque faltava algo, e eu sentia isso, embora nunca dissesse a ninguém.
O amor é como uma semente, você planta a amizade, o carinho, a compreensão, o apoio e entre muitas coisas, assim o amor cresce e você não tem mais o controle sobre seu tamanho, ele chega a ser imensurável, algo que palavras não definem e gestos não conseguem transmitir totalmente, mas ele está lá e cada vez mais vem crescendo e nos ensinando a lidar com ele.
Algumas pessoas já me disseram: "Você não tem outra pessoa em vista? Tem certeza?"
E minha resposta foi um sorriso e: "Não, não tenho mais ninguém."
Não é possível controlar um sentimento quando este vem dessa forma, você é um sonho que vem se realizando, é do jeito que sempre desejei (e é completo *-* ♥).
Com você no pensamento eu me perco das coisas ao redor, me transporto para teu lado, o mundo pára, o tempo é lento, o sorriso é largo e o olhar o mais brilhante de todos.

quinta-feira, 27 de maio de 2010

I Give You My Heart




Este é o meu desejo
Honrar a Ti
Senhor, de todo o coração
Te adorarei


Tudo que tenho dentro em mim
Te dá louvor
Tudo o que tem valor pra mim
Está em Ti
Senhor


Cante meu coração
E todo o meu ser
Vivo só para Ti
Enquanto eu respirar
Sempre que eu acordar
Terei Teu poder em mim

terça-feira, 25 de maio de 2010

As flores que deixo para lembrar


A vida é um vasinho de flores, podemos escolher violetas, cravos, margaridas entre muitas, mas todas deixam a mesma mensagem: o cuidado que devemos ter com elas.
Algumas são mais sensíveis, temos que regar de três em três dias, outras precisam de água duas vezes por dia, umas precisam ficar no sol, outras porém precisam estar na sombra. Cada uma tem suas sensibilidades, suas características e devemos ter o devido cuidado com seus estilos, do contrario murcham e morrem.
Muitas vezes deixamos nossas flores murcharem e não percebemos, até que um dia ao olharmos para elas (e normalmente demora muito tempo) vemos que estão secas, com má aparencia e pode até estar mortas. E o que fazemos? Se estiverem quase mortas e ainda der tempo para tratá-las e fazer com que se renovem, nem sempre fazemos, preferimos deixá-las morrerem, e depois de morta... vão para o lixo.
Pense um pouco sobre a sua vida, não há nada assim? Tem algo que está seco ou à beira da morte?
Na minha tinha, e em meio a sequidão, em meio ao árido de meus sentimos, um gota de água caiu e tudo começou a brotar novamente, e assim o que era um deserto tem se tornado um jardim florido. Mas para isso foi necessário que eu analisasse cada área da minha vida, e assim voltar até elas e tratá-las.
E é assim que funciona, temos que periodicamente analisar nossas flores e ver como estamos cuidando de nossos vasos. Depois disso se houver algo árido é só regar que logo voltará a ser um lindo vaso de florido.

quarta-feira, 12 de maio de 2010

O Que Será?


Não sei o que há comigo, às vezes prefiro não saber.
Há um novo brilho no olhar, há um motivo para sorrir e um sentimento que imaginei que nunca mais me tocaria.
O mais interessante é que verdadeiramente não imaginei que seria assim, procurava em minha mente uma fantasia na qual eu reencontraria meu equilíbrio e ao mesmo tempo tinha medo de nunca mais amar, porém como quando num deserto árido a chuva serôndia chega (o que não era esperado, pois já não havia tanta esperança assim, só uma fé guardada bem lá no fundo como uma vela no seu fim), você apareceu em minha vida, não que já não estivesse, mas com um brilho maior e diferente.
E assim os meus dias tem sido uma mistura de amor com medo, alegria com agonia, e tudo perde o sentido quando não consigo me comunicar com você.
Penso ser um erro, embora não haja nada de errado. A minha vida se torna tão contraditória neste momento, as palavras que recitei a mim mesma: "amigo é amigo, sentimentos à parte" já não tem mais valor...
Talvez lá no fundo eu sabia que isso poderia acontecer, apenas escondia de mim e do resto do mundo, mas agora não há como fazer isso, meu sorriso ao lembrar de qualquer palavra revela o que na última semana era obscuro.

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Afraid see in your eyes!

Medo de olhar em seus olhos!

Olhar nos olhos de outra pessoa significa descobrir todas as suas intenções, suas palavras e seus sentimentos.
Temo olhar e descobri o que querem me dizer ou então o que a pessoa realmente é.
Evito todos os olhares, não quero descobrir o que são ou então que outros descubram quem sou. Evitar que descubram meus sentimentos, meus medos, meu ser.

Ao passar ao seu lado, olhei e vi em seus olhos a pessoa mais amendrontada de todo o mundo, vi suas dores, suas lágrimas. Pode estar passando um tempo de tempestade interna, não sei... mas havia medo, talvez de amar novamente, talvez de se sentir só novamente, não sei... mas havia medo.
Pude perceber qual seria sua reação a um novo universo, na hora pude saber qual era sua real intenção, e era de fugir, de correr para bem longe, para um lugar onde não te encontrariam, onde não te machucariam, onde você não amaria novamente. Frustração? Acho que não era o que seu olhar me mostrava e sim um receio de reviver as dores passadas.

Por isso tenho medo de olhar em seus olhos, ou em de qualquer um. Temo descobrir que posso piorar ou ajudar, temo desvendar e ter meus segredos revelados.
E de olhos fechados continuarei a enganar meu coração, e ficarei sem descobrir sua intenção.

terça-feira, 27 de abril de 2010

Descoberta



Poder estar bem perto, encostar meu rosto ao seu e ver as diferenças entre os traços. Os meus são delicados e finos, típicos de uma menina e os seus são tão rígidos, fortes, demonstrando coragem e sentimento ao mesmo tempo, típico de um garoto.
Descobrir esses traços diferentes é entender o porquê um completa o outro, e é por serem opostos.
Há algo em comum, nossos olhos dizem o mesmo: "te amo", os corações aceleram na mesma frequência, estamos interligados a partir de cada ressoar de "tum tum" que se sente. E nessa via de mão-dupla o fluxo tem a mesma quantidade: "te amo".
Perde-se de qualquer coisa que se passe ao redor, o mundo pode estar girando, mas com nossos olhos fitados para nós ele está estático, só ouço a música em minha mente, sinto seu perfume e contemplo o brilho do seu olhar, nada mais me importa; os olhos dizem: "te amo".
Suspiros e suspiros, nada mais além de suspiros, não há palavras, e os olhos continuam a se fitar, aquele momento é eterno, mesmo sendo dez segundos.
Ah o amor... o momento em que só no fitar dos olhos podemos ver o Sonho dar a mão à Esperança e sair dançando ao som da mais bela Valsa.



Considerações: Quem diria que em meio a tantos textos revoltados teria um tão delicado! Mas o que Deus falou se cumprirá! (quem me conhece sabe do que digo)

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Does Anybody Hear Her?



Ela está correndo
100 milhas por hora na direção errada
Ela está tentando
Mas o Cânion está sempre aumentando
Na profundeza do coração frio dela
Então ela sai em outra aventura apenas para descobrir
Ela está dois anos mais velha
E três passos a mais atrás.

Alguém a ouve? Alguém consegue vê-la?
Ou alguém pelo menos sabe que ela está caindo hoje
Sob as sombras de nossa torre
Com todas as pessoas perdidas e solitárias
Procurando pela Esperança que está escondida em mim e você
Alguém a ouve? Alguém consegue vê-la?

Ela está ansiosa por
Proteção e afeição
Que ela nunca encontrou em casa
Ela está procurando
Por um herói para calvagar
Calvagar e salvar o dia
E nas caminhadas seu príncipe encantado
E ele sabe exatamente o que dizer
Lapso momentâneo de razão
E ela dá a si mesmo

Se o juízo surge sob cada torre
Se olhadas arrogantes de pessoas arrogantes
Não conseguem ver o passado, sua carta escarlate
E nós nunca ao menos conhecemos ela


Obs: eu não me sinto segundo a música, apenas achei interessante e talvez seja verdade em nossas vidas, não socorremos muitas pessoas assim, que precisam da Esperança que há em mim e que há em você! Que sejamos torres para essas pessoas, torres que a ajudem e não as que se desabam sobre elas, com seus conceitos, com suas "perfeições", julgando e se esquecendo que poderíamos estar no lugar delas...

Reflita nisso!!

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Frouxo?

"Se o cabelo do seu irmão te faz pecar, então você é um crente frouxo!" André Valadão

Quantas pessoas em nosso meio não tem sido frouxas não é mesmo? Se deixam levar pelas aparências, julgando e fofocando, seja por causa do cabelo, da roupa, cor da maquiagem e muitas outras coisas. BANDO DE FROUXOS!
Achei interessante o que o pastor e cantor André Valadão disse quando estava de cabelo comprido (o que tinha causado muitos murmurinhos no meio evangélico), há verdade nessas palavras, pois as pessoas julgam e falam mal, não percebem que nesses pequenos "comentários" estão pecando.
O que tem a ver com a sua vida se o irmão usa cabelo comprido ou a irmã baton vermelho? Até onde eu sei, Deus se importa com o coração e não com o exterior (desde que este não interfira no interior - coração).

"Falar é tão fácil
É mais fácil acusar
No papel de juiz
Todos querem ficar
Eu e você
Julgar ou se calar..." Oficina G3

Tem alguma opinião quanto a aparência de alguém? Guarde para você! Ou fale diretamente com a pessoa.

"A língua também é um fogo; como mundo de iniqüidade, a língua está posta entre os nossos membros, e contamina todo o corpo, e inflama o curso da natureza, e é inflamada pelo inferno." Tiago 3:6

Pense nisso!!

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Alguém mais quer vomitar?


O título nos parece repugnante não?


Mas é a verdade...


Eu tenho tido essas crises de querer vomitar, bulimia? Não! Apenas nojo de seres humanos.
Fiquei cansada de pessoas que só falam, de pessoas que não medem esforços para alcançar o que querem na base da malandragem, de cenas nojentas e perversas nas ruas e nos canais de televisão, me repugna essa "boa gente", esse "sistema" que se você não segue é um extraterrestre. [Vômito]


Não é revolta, é repgnância!

terça-feira, 23 de março de 2010

Só um pouco do que estou vivendo e espero


É muito ruim ouvir a tristeza no tom de voz de uma pessoa, e não é de qualquer tristeza, e sim aquela em que há ferida e que esta sangra.
Esses dias ouvi esse tom numa amiga que estava me contando sobre sua frustração, quando ela foi me falar do que aconteceu, sua voz mudou de tom, e naquele momento percebi a ferida.
Lembrei, então, que por muitas vezes esse foi o meu tom, quando disse: "eu te amo tanto meu menininho", e depois quando contava o que ouvi: "ele disse que não me amava mais"; eu me vi nessa menina aquele momento, eu vi a cena do meu tom de tristeza...
Agora estou bem (glórias a Deus por isso), sei que nada do que eu passo é em vão, testemunhei o que vivi e creio que ela também irá melhorar logo, não pelo que eu testemunhei, mas por ela ter escolhido Deus ao invés do homem (pararei de falar dela aqui, pois não tenho a permissão de falar sobre a vida dessa minha amiga).
Bom, o que quero deixar aqui é:
Estou bem, o bons momentos e lindos estão só na memória (até que o Jeremias chegue e aniquile-as), não pretendo viver as minhas memórias, deitei fora os velhos sentimentos.

O segredo é não correr atrás das borboletas...
É cuidar do jardim
Para que elas venham até você
No final das contas, você vai achar
Não quem você estava procurando...
Mas quem estava procurando por você.
Mario Quintana - O Tempo

Borboletas sempre voltam
E o seu jardim
Sou eu
Victor e Léo - Borboletas (tá, eu decaí na escolha kkk)

Minha borboleta rara está para chegar em seu jardim, e eu fiz dos meus sentimentos mortos adubo para nutrir o meu jardim.
Borboletas vivem uma semana apenas, e a minha rara borboleta encontrará seu jardim antes do meio da semana, e assim o jardim cuidará dela e ela do jardim. E os dois morrerão juntos também.
(Entenda leitor o que digo, uma semana da borboleta significa uma vida inteira de uma pessoa, ou seja, a vida é curta)
O jardim está sendo preparado e quando menos perceber lá estará a borboleta, a rara borboleta, e esta trará consigo toda a minha felicidade.

Apenas um desabafo

Escrito em: 15/03/2010



Diariamente eu me pego pensando no que NÃO QUERO, é meu caro leitor, quem nunca quis provar sua beleza ao mundo junto com seu valor? Muito mais na minha situação.
Quero provar que sou bela e que não são poucos os que querem estar ao meu lado, embora nenhum houve que me agradasse, e fica a pergunta: Para que isso?
Então responderei: Para minha auto-estima, e talvez para minha vingança!
Eu bem poderia cumprir este propósito, porém irei abortá-lo, pois sei que na tentativa de encontrar a felicidade, encontrarei mais dores e solidão, vale mais esperar a cura e a verdadeira felicidade (Jeremias *-*). E também porque o "passado" já não é meu alvo (não sou museu para viver de passado), para que chorar? Para que, me diga! Para quê? Tudo na vida se pode tornar relevante, ainda que doa, não quero mais "doce ilusão", não, desta vez não estou me iludindo, eu quero matar os meus "fantasmas" que andam assolando meus dias. Deus eu quero ser feliz, caminhar Contigo e largar esse sentimento, eu sei que o Jeremias está chegando e não quero me enganar novamente.

segunda-feira, 8 de março de 2010

Primeiro dia de Facu de RH - só pago mico...


Lá estou eu, me arrumo, saio de casa e já para o ponto de ônibus...
O ônibus chega e, adivinha? LOTADO! (graças a Deus que dessa vez não estava tocando sertanejo).
Chegando à escola era necessário ir ao 2º andar, ok... mas cadê a escada? Eu não a havia encontrado ¬¬'. Perguntei a um moço que alí trabalhava e esse me indicou o caminho, porém eu me perdi novamente [aa], em fim achei o caminho para a escada, só não encontrei o corredor da sala, e graças a Deus achei o moço que havia me ajudado e ele com boa vontade me ajudou de novo, achei a sala! (uhul).
Na sala eu era a única alma vivente, pensei ser por causa do horário, porque a nerd aqui chegou vinte e cinco minutos antes. Então a hora passava e ninguém chegava (Oo')... comecei a cogitar a ideia de que poderia estar na sala errada, e com isso saia e voltava para lá toda a hora (pois poderia estar na sala certa e o professor com os alunos chegasse e eu ficasse para fora)...
Fui para a secretaria e me indicaram a sala trinta e quatro (a que eu estava), e mais uma vez fui para lá e... NINGUÉM. Decidi, pois, ir à portaria, o rapaz que estava lá me indicou ir à coordenação (comentário pessoal: oow rapaz dos olhos lindos), e lá me disseram que era para eu ir à sala sete (que diferença do trinta e quatro para o sete...).
E finalmente chego na sala, mas com o detalhe de estar quarenta minutos atrasada (para quem estava praticamente meia hora adiantada)...
Na hora do intervalo dei uma saidinha da sala, mas como tinha muita gente, voltei (altista.com). Vi o irmão da minha amiga, e ia comprimentá-lo e dizer: Você não é o irmão da Vicky?; mas decidi não pagar mais um mico, pelo menos por hj.
A aula foi boa, conheci algumas pessoas, e todos são mais velhos...
Espero encontrar amigos lá, não só colegas ;D
Bom... terminei meio que sem fim, mas foi mais ou menos isso e que venha os outros dias!

Obs: não encontrei o meu Jeremias Campos... (para quem sabe ,D)

sábado, 6 de março de 2010

Bar dos Sentimentos




Sabe meu caro... eu não consigo esquecê-lo
Sério?
Sim... meus pensamentos parecem ser infinitos sobre isso, mas não posso deixar a tristeza me alcançar
Diga-me, pois, o que se passa contigo
Eu ando me embriagando em meus sentimentos, como aquele bêbedo em um bar que cai em sua fraqueza, só falto sair gritando pela minha mãe ou pedindo a Deus por misericórdia
Grave seu caso minha querida, mas o que farás diante disso?
Eu?! Eu esconderei tudo, deixarei guardado, não... não... MELHOR, entregarei tudo para Deus, sim, entregarei, Ele pode me mostrar o que vai acontecer, eu não quero criar esperanças em uma pessoa que eu não sei se pensa em mim... Não... não quero mais, é o que minha alma grita dentro de mim, ela diz: se desfaça disso, largue isso; porém, meu coração diz: não, eu quero sentir, a essencia não se foi, eu ainda lembro, não largarei. Ahhhhhh... é uma luta interna na qual todas as minhas vozes gritam desesperadas para saber qual rumo irei tomar
Acalme-se
Estou calma, eu tomarei o controle, e como disse: Não escreverei mais sobre isso, não era para eu falar novamente nisso, mas precisava passar pelo Bar dos Sentimentos e me embriagar mais uma vez... só mais uma vez, quem sabe um dia alguém perceberá o que quero demonstrar?
Ok, ok, e este é o fim?
Sim, este é o fim, fecharei o Bar, trancarei a memória e não arrancarei a estanca de minha ferida, deixá-la-ei ser curada por Deus, e que a promessa me siga e se cumpra! Assim espero agir daqui para frente.

sexta-feira, 5 de março de 2010

Por você


Eu aprendi a tocar por você
Eu cantaria para você
Eu viveria o resto da minha vida com você
Eu te deixaria em meu colo e acariciaria o teu rosto
Sempre...


Eu lutaria por você
Eu te faria feliz pelo resto de tua vida
Eu te ajudaria em tuas dores
Eu te daria a mão para que você pudesse se sentir seguro
Sempre...


Porém não farei isso
Não porque não quero
Mas porque você não quis
Arrencarei meus sentimentos
Sim, arrancá-los-ei!
Não posso sofrer por isso


"Tudo o que escrevo é sobre você"
Mas esta será a última vez
Eu te amo?
Prefiro não responder


Não quero mais saber
Não quero mais saber
Não quero mais saber


Te arrancarei daqui e fecharei a porta
Adeus!

sábado, 27 de fevereiro de 2010

A criança




Olho no meu interior e vejo uma criança. Ela é viva, alegre, vive correndo para os braços do Pai (a saber Deus), um sorriso inapagável e um brilho em seu olhar, ama ao Pai acima de tudo e O chama a todo tempo: Paizinho...
Sempre e sempre segurava a mão de seu Pai.
Um dia ela foi levada pela vontade de "crescer", soltou a mão do Pai e foi caminhando. Quando percebeu suas vontades imperavam. Ela não desejava isso, pois sempre e sempre amou o Pai acima de tudo, porém não via que a independencia tinha tomado uma parte de sua vida.
A criança se machucou, e assim como um guerreiro numa guerra se fere e sangra, ela sangrou, suas mãos tinham feridas fundas, devido à luta em que guerreava. Chorava sem parar, foi nesse tempo que lembrou que seu Pai podia curar feridas e limpar sujeiras.
Corre e com lágrimas grita: Paii, já não posso mais lutar pelas minhas forças
E vê que enquanto lutava pela suas próprias forças a vitória não vinha, e de nada adiantava.
A criança volta-se ao Pai e é curada, hoje o seu brilho está voltando, o sorriso inapagável e todo o seu amor...
Essa criança sou eu, e esse é o meu tempo de voltar a ver que não posso nada sem o meu Pai. Essa criança é o meu interior, mas também pode ser o seu, repare se a sua criança não tem se tornado independente do Pai.


♪ Quero ser como criança
Te amar pelo que És
Voltar à inocência
E acreditar em Ti

Mas às vezes sou levado
Pela vontade de crescer
Torno-me independente
E deixo de simplesmente
Crer

Não posso viver
Longe do Teu amor, Senhor
Não posso viver
Longe do Teu afago, Senhor
Não posso viver
Longe do Teu abraço, Senhor

Abraça-me
Abraça-me ♫
David Quinlan - Abraça-me

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Start Over ♥


Tem tempos em nossas vidas em que passamos por dificuldades sentimentais, essa é a fase mais dolorosa (creio eu) na vida de uma pessoa, ela se perde interiormente, sente raiva, chora, e às vezes desiste de sonhar...


Mas o tempo passa e assim com ele vai a desilusão, a pessoa volta a sonhar e se lembra de que Deus é fiel, nunca falhou e não será agora que Ele irá falhar...


É, meus queridos, chegou a hora de recomeça!


Eu vou me levantar e ver além do que enxergo agora, START OVER!


Tristezas? Deixei pra trás


Por que escrevo isso aqui?


Para que todos saibam que meu passado ficou para trás, e vou olhar para o que Deus tem reservado para mim e é: BENÇÃOS SEM MEDIDAS



Obrigada Senhor porque Teus feitos são maravilhosos!



Recomecei e não há porquê voltar a viver na tristeza, sei que O MELHOR DE DEUS AINDA ESTÁ POR VIR ;D



segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

sábado, 13 de fevereiro de 2010

MEUS PARABÉNS!

Meus parabéns a todos aqueles que com muito ou pouco esforço conseguiram destruir uma pessoa!
Parabéns àquelas mães que negaram o filho de seu ventre, aos pais que ignoraram seus herdeiros, aos irmãos que esqueceram o valor de uma pessoa!
Muito, mas muito obrigada mesmo, pois graças a vocês vejo uma vida destruida internamente, vejo uma pessoa alegre se tornar a mais triste do mundo, vejo a sua coragem esmorecer e a única solução é Deus reanimá-lo.
Obrigada por vocês deixarem o que Deus determinou para suas vidas de lado, e desejarem ser usado por Satanás sem nenhuma repulsa pelo o que ele quis que vocês fizessem, pelo contrário o fizeram com prazer...
Muito obrigada a todos aqueles cujo intento é destruir, porque vocês podem conseguir fazer isso, festejem muito enquanto há tempo, pois ainda verei todos aqueles a quem vocês destroem se levantar, e com eles o Deus de bondade, misericórdia e vingança. Sim, Deus se vinga daqueles que tocam num fio de cabelo de Seus amados e escolhidos!
Parabéns a todos vocês, mas não desejarei em dobro o que fizeram, não, não compensa, isso não vai mudar a realidade do que me acontece hoje (e a culpa é de cada um!).
Numa festa de aniversário, quando as pessoas desejam ao aniversariante algo, ele diz que deseja em dobro. Porém não posso desejar o mesmo, não posso pagar o mal com mal... darei porém a minha outra face, orarei por vocês, espero que o Senhor abra seus olhos e que assim se arrependam amargamente do que fazem.


Agradeço a cada um!

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Socorre-me Senhor


Tentei ser forte e endureci meu coração
Ao esconder minhas feridas, perdi a emoção
Tentei gritar, mas só palavras não puderam expressar
O que se estava no ar

Quero correr, fugir para não ver
O que poderá me acontecer
O soldado já não encontra espaço
Para terminar a guerra que se iniciou

Socorre-me Senhor, socorre-me Senhor
Não posso suportar o peso do meu fardo
Socorre-me Senhor, socorre-me Senhor
Teu fardo é leve e suave o Teu julgo

Me escondi por momentos na minha escuridão
Mas descobri que precisava da Tua mão
Me tira daqui
Tua cura quero sentir
Vem me envolver com Teu amor ♥

Cura-me Senhor

domingo, 31 de janeiro de 2010

Família


Há alguns dias eu andei pensando:
Por que determinadas pessoas agem de determinadas formas?

Um dia, ouvindo um culto, o pastor que ministrava a palavra disse:
O inimigo tem atacado a família, que é a base de tudo

Assim descobri o que faz com que pessoas ajam com revolta, agressividade, carencia, e de diversas formas que não é o normal (que acaba sendo normal, em vista do caos que se encontra a base - família - de tudo). A falta de amor nas famílias tem gerado pessoas fora do normal, as pessoas não ninguém mais com amor, apenas com ódio, desprezo e vários outros sentimentos que machucam...
É difícil encontrar uma família completa; o pai vai embora, a mãe abandona os filhos, filhos se revoltam contra os pais, e assim por diante.
Isso tem afetado as crianças também. Certa vez vi um menino, que estudava na escola ao lado da minha, subir ao telhado e ficar andando, falando palavras indevidas, e não obedecia a ninguém, muitos falavam que ele era uma peste, entre outras palavras, eu pensei como será a família desse garoto? Com certeza não deve ser bem estruturada...
Tenho visto vários casos assim, mães que desprezam filhos, ainda que estes vivam no mesmo lar, não há amor, não há carinho, então esses filhos vão buscar em outras pessoas o que em casa não acham. Puts (com a licença da palavra) para que montar uma família se você não tem a capacidade de amar? Para que gerar filhos se não haverá amor o suficiente para dá-los?

Ah eu tentei e meu casamento não deu certo (isso poderia ser uma desculpa). Ok, mas e seu filho, ele tem culpa disso?

O amor não morre, se seu casamento acabou, ou vocês nunca se amaram, ou tem orgulho no coração dos dois!

Diante disso o que fazer?


♫ Quero Te pedir meu Senhor
Atende agora o meu clamor
Pelo o que fizeste perfeito e o que homem roubou,
O amor que não existe mais, como foi há muito tempo atrás
A alegria que existia no lar hoje se esfriou
O filho que dos pais se esqueceu
A família que não se fala mais
A filha que perdida está
O casal que pensa em se separar
O desprezo que o vovô suportou
A indiferença que sofreu a vovó
O orgulho invadiu corações
Mas Deus pode restaurar esse amor
Só Deus pode restaurar esse amor, só Deus pode restaurar esse amor
Ele é o Cordeiro que vem do céu, para restaurar e abençoar seu lar
Só Deus pode restaurar esse amor, só Deus pode restaurar esse amor
Basta só você pedir com fé, e tua família Ele irá restaurar hoje
Derrama Tua unção meu Senhor
Teu Espírito em nosso favor
Somos Tua existencia
A Tua criação
Eu Te peço
Pelo amor que não existe mais... ♫


(Só Deus Pode Restaurar Esse Amor - Ton Carfi)




Essa música do Ton Carfi nos revela o que tem ocorrido em nosso cotidiano, e nos mostra A ÚNICA PESSOA que pode restaurar o amor que falta nas famílias, e essa PESSOA é DEUS, só ELE pode restaurar o amor, curar as feridas, reverter a situação na qual se encontra sua família.




Se você tem sofrido com a falta de amor em sua família, ou conhece alguém nessa situação, peça a Deus que Ele reverta isso, para que o amor possa reinar novamente (ou pela primeira vez) no seu lar. "Basta só você pedir com fé".